destination wedding

Destination wedding: Faça a viagem dos sonhos (e case nela)

Você quer um casamento dos sonhos cujo cenário inclui uma paisagem deslumbrante apenas com os noivos ou poucos e bons convidados? Se essa é a descrição do enlace ideal, talvez você esteja sonhando com um destination wedding. Trata-se de um casamento em que os noivos se deslocam para se casar em outra cidade, e até em outro país, em um cenário paradisíaco que ajude a contar a história de amor do casal.

Se você se apaixonou pela ideia, precisa saber, no entanto, que um casamento desse tipo envolve alguns cuidados como preparação da cerimônia à distância, seleção do número de convidados e custo, que é bem maior. Mas se os noivos estão dispostos a levar esse desejo adiante, continue lendo, pois vamos explicar tudo sobre o destination wedding!

Entenda o que é um destination wedding

Basicamente, trata-se de um casamento à distância, em que os noivos escolhem um lugar com uma paisagem romântica para se casar. Um destination wedding pode ser feito em outra cidade, estado ou país. Vai depender do cenário dos seus sonhos.

Por se tratar de uma viagem, pode incluir apenas os noivos como testemunhas de seu próprio amor ou alguns convidados — já que esse tipo de casamento envolve deslocamento e um custo maior, coisas que nem sempre são simples para todo mundo.

Saiba como montar um casamento à distância

O primeiro passo para montar um casamento desse tipo é escolher o cenário perfeito, aquele que vai ajudar a traduzir a sua história de amor. Após esse passo, é interessante fazer orçamentos, já que um enlace à distância envolve deslocamento dos noivos, de alguns itens para compor a cerimônia.

Além disso, considere também a contratação de uma assessoria local para deixar tudo perfeito e tenha certeza de que esse custo poderá ser arcado adequadamente e que tudo sairá perfeito.

Custo

Como envolve menos convidados, um destination wedding pode passar a ideia de que pode ser mais barato. No entanto, se for em outro país, é preciso cotá-lo na moeda local. Além disso, costuma-se fazer um evento de boas-vindas para os convidados e o casamento em si.

É de bom tom ainda que os noivos paguem o transfer dos convidados para a cerimônia. Já a passagem e a hospedagem ficam por conta dos convidados mesmo. O casal pode entrar em contato com uma agência de viagem para facilitar a vida dos convivas, assim como um hotel ou pousada para abrigá-los bem e todos juntos.

Cerimônia

Aqui, além de um cenário, você deverá pensar e planejar as possibilidades de realização do casamento. Se for na praia, por exemplo, uma cerimonialista ou assessoria local deverá ser responsável por montar um altar para o “sim” dos noivos, contatar alguém para celebrar o momento e viabilizar ainda a festa pós-cerimônia.

Essa ajuda se torna fundamental sobretudo se for em outro país, que pode oferecer limitações com a língua, contratuais e de referência com fornecedores. Considere ainda casar em um castelo, vinícola ou hotel charmoso no interior. A imaginação e a vontade dos noivos — com uma boa ajuda — é o limite.

Convite e decoração

Um item fundamental para quem que vai fazer um casamento à distância é o planejamento. Você deverá orçar e organizar o casamento com pelo menos um ano ou um ano e meio de antecedência. Esse é o prazo ideal para ajeitar todos os detalhes.

Além disso, é recomendado enviar os convites com pelo menos seis meses de antecipação a fim de que seus convidados se organizem para a viagem. Essa antecedência também é bem-vinda no que diz respeito à decoração escolhida, já que, dependendo dos itens, alguns deles deverão ser enviados para o lugar do casamento.

Você também poderá optar por fazer um destination wedding a dois, sem convidados. Se escolher esse modelo, a maior preocupação passa a ser contratar alguém para celebrar o casamento e um ótimo fotógrafo para registrar o momento do “sim” com o seu amor.

Vestido da noiva

Outro item que deve ser pensando com antecedência e de acordo com o local do casamento é o vestido da noiva. Ele deve ser visto antes, ficar pronto a tempo e experimentado quantas vezes for necessário. A ideia é que a noiva se sinta completamente segura com a peça, visto que, em um lugar distante, dificilmente terá assessoria adequada para resolver qualquer eventualidade relacionada a ela.

Pense ainda nas características locais e climáticas do lugar em que vai se casar para não passar frio nem calor ou ter incômodos como o de uma grande cauda enrolando na areia da praia. Ou seja, é melhor ver com antecedência e contar com profissionais de confiança. A ideia é ficar linda e perfeita nas fotos do seu destination wedding.

Conte com uma assessoria

Um casamento em local diferente daquele em que os noivos moram pode envolver algumas peculiaridades que, se não forem bem-trabalhadas, podem virar dificuldades. Assim, considere contratar uma assessoria local para casamentos.

Conte com alguém que dê suporte em todas as suas dúvidas, que organize sua cerimônia e festa com antecedência, que seja capaz de contratar fornecedores e conseguir os melhores preços e ainda fechar contratos de acordo com a prática e legislação local — para o caso de outros países.

Lembre-se ainda de que você não terá tempo de realizar alguns rituais que faria caso se casasse no lugar do seu domicílio, como fazer prova de docinhos ou bolo. Será preciso contar com um profissional sério e reconhecido para orientar à distância.

Como vimos, um destination wedding pode ser uma experiência única, romântica e inesquecível. Para isso, precisa de planejamento, muita organização — desde o convite, o vestido de noiva, entre outros — e ajuda de alguém especializado no destino escolhido.

Esse organizador deverá ser capaz de montar uma cerimônia no local escolhido, mesmo que ele não tenha estrutura — como uma praia —, eleger os melhores fornecedores, fechar os contratos adequadamente e deixar tudo perfeito até a chegada dos noivos para o grande dia.

Se você curtiu nossas dicas sobre destination wedding, deixe seu comentário logo abaixo!

Nenhum Comentário

Comentar

×