Descubra 5 dicas sobre como escolher padrinhos de casamento!

Casar é um momento lindo e incrível, mas também repleto de decisões um pouco complicadas. É muito comum que você, noiva, tenha dúvidas sobre como escolher padrinhos de casamento, já que há muita coisa envolvida nesse momento. No entanto, essas figuras são de grande importância, por isso você deve ir pelo caminho mais adequado.

Certamente, já deve ter pensado em vários nomes, mas sempre fica em dúvida por considerar alguns pontos como proximidade, obrigações de família, consideração por alguém, além de outros fatores. Bem, a questão é que você precisa priorizar alguns critérios simples para fazer essa escolha. Que tal se a gente ajudar?

Este post trará 5 dicas valiosas para considerar na hora de escolher seus padrinhos de casamento. Saiba como montar sua lista e chegar aos nomes ideais!

1. Faça uma lista com todas suas escolhas

Tá difícil de cortar gente da lista? Noiva, estendemos bem sua preocupação e ansiedade e, pelo menos inicialmente, a ideia com o máximo de pessoas possível não precisa ser um problema. Pelo contrário, o melhor a se fazer é realmente pensar em todos que você gostaria que estivessem entre os escolhidos. Essa é a melhor forma de escolher padrinhos de casamento!

Se em algum momento você pensou em cada possível escolhido, é porque se trata de alguém importante. Não tente ser muito seleta nesse início, já que está apenas trabalhando em ideias. Faça uma lista com, rigorosamente, todas as pessoas que você pensa que podem ser os padrinhos. A partir daí podemos trabalhar com critérios e então chegar a uma seleção mais refinada.

2. Defina o número de padrinhos

Bem, é chegada a hora de afunilar mais essa escolha, mas não se desespere: parte da decisão passa por saber quantos padrinhos o casal terá em seu casamento. Esse é um momento muito importante, então definam isso juntos. O número é de livre escolha do casal, mas é sempre recomendado entender até mesmo a disposição dessas pessoas na igreja e na cerimônia.

Alguns fatores vão influenciar na escolha, como o número de amigos e familiares que noiva e noivo têm. Geralmente, essas pessoas costumam compor a seleção de padrinhos que foi definido. Você também não pode ser egoísta nesse momento, ok? O noivo também quer selecionar pessoas importantes para ele, portanto defina o total de padrinhos e deixe que a escolha seja livre para cada.

3. Considere a proximidade com o casal

Vamos começar com o básico sobre como escolher padrinhos de casamento: a proximidade com o casal ou, pelo menos, com um dos dois. Há vários níveis de proximidade e o que importa é que o noivo ou a noiva realmente sintam que essa pessoa é importante de verdade. Mais do que isso, é possível escolher padrinhos que sejam importantes até mesmo para ambos.

Se a pessoa é um amigo do casal, melhor ainda! Essa proximidade com os dois faz a escolha ter ainda mais sentido e ser unânime. É claro que alguns padrinhos terão uma relação mais forte com um ou outro, o que é completamente normal. A ideia dessa dica é fazer com que as escolhas sejam ainda melhores, ou seja, quando o padrinho ou madrinha é amado pelos dois!

4. Afunile a escolha com alguns critérios

Agora que você já conseguiu definir o número de padrinhos e entendeu que pode ser melhor ainda se as escolhas forem em comum, é hora de afunilar ainda mais a lista. Bons critérios ajudam a enxergar que nem sempre alguém que pensamos é realmente a pessoa ideal para esse título tão importante em um casamento.

Logo, se você ainda tem dúvidas sobre quem convidar para ser padrinho, aqui vão alguns questionamentos que é preciso fazer para si própria. É importante que o noivo também coloque esses pontos em questão!

A pessoa participa ativamente da vida do casal?

Há alguns amigos que já foram presentes em algum momento, mas há também aqueles que nunca estiveram longe. Lembre-se: nem sempre a presença física é o mais importante. Estamos falando mais sobre se importar, manter contato frequente, prestar ajuda e realmente se fazer relevante. Você identifica isso na pessoa escolhida? Se não, talvez ela não seja o padrinho ou madrinha ideal.

Você imagina que essa pessoa seguirá presente no futuro?

Seguindo a mesma linha de raciocínio do questionamento anterior, mas projetando o futuro: você acredita que sua escolha estará presente nos próximos anos? Talvez sua vida mude com o casamento, você tenha filhos e tudo não seja como é atualmente. Padrinhos são pessoas que devem estar sempre por perto, ou seja, se você tem dúvidas, vale a pena pensar com calma.

A escolha está associada a alguma outra pessoa importante?

Um dos grandes erros na hora de pensar em como escolher padrinhos de casamento é convidar pessoas que estão associadas a outras. Um exemplo? Você chama uma amiga e, para agradar, acaba também convidando o namorado dela. O tempo passa, ela termina o relacionamento e uma pessoa sem tanto significado estará em seu álbum de casamento. Vale a pena?

Você realmente quer convidar essa pessoa?

Pressão familiar, dívida de gratidão e uma série de outros motivos podem influenciar uma escolha. Lembre-se: esse é o seu momento, o seu casamento e a escolha só cabe ao casal. Pense bem e deixe seu coração falar mais alto na hora de escolher. Você não precisa agradar ninguém nem desagradar a si própria no dia em que você subirá ao altar!

5. Reflita se sua escolha é baseada em obrigação e consideração

Sua escolha não pode ser baseada em pragmatismo e em consideração. Sabe o que é muito comum? Convidar alguém que também já convidou você. Por mais que isso signifique que você é importante para essa pessoa, talvez você tenha outras escolhas à frente dela que, para você, são mais importantes. Isso não é falta de consideração ou educação.

Entre todas as decisões que você precisará tomar nesse momento, certamente saber como escolher padrinhos de casamento é uma das mais difíceis! Noiva, sabemos bem que não será simples cortar pessoas queridas, mas nossas cinco dicas foram apresentadas para ajudar a tornar esse processo menos doloroso, tudo bem?

Curtiu este conteúdo? Então, siga a gente nas redes sociais para acompanhar mais posts. Estamos no Facebook.

Nenhum Comentário

Comentar

×