Conheça os tipos de vestido de noiva e escolha o melhor para você

A maioria das noivas quer participar de toda a preparação para o casamento. Nada mais natural, já que todos os detalhes merecem atenção, como festa, o buffet, a decoração e a banda. Ainda assim, entre as diversas escolhas, uma pode ser considerada ainda mais especial: o vestido de noiva.

Estar com o look perfeito em uma das noites mais importantes da sua vida é o desejo de qualquer pessoa. No caso do casamento, essa escolha está longe de ser uma tarefa fácil, principalmente porque existem tipos de vestido de noivas variados e que se adéquam melhor a cada tipo de corpo e ocasião.

Pensando nisso, criamos um post completíssimo para tratar sobre os diversos modelos de vestido existente para que você acerte em cheio na sua escolha. Vamos lá?!

Corte Evasé

Esse modelo conta com um tipo de corte que é considerado pelos estilistas como um “coringa”. Isso acontece por um motivo simples e primordial: ele valoriza qualquer tipo de corpo e possibilita um visual equilibrado. É uma ótima opção para aquela mulher que deseja disfarçar um quadril que seja mais avantajado ou outros detalhes desse tipo que acabam nos incomodando.

E não precisa se preocupar com o horário ou estilo do casamento, pois esse tipo de corte pode ser utilizado em modelos compridos ou curtos. Ele também pode receber uma saia com menos tecido, que seja mais “seca” e ajustada ao corpo, ou, por outro lado, ganhar volume por meio de sobreposições de tecido. Por isso, versatilidade seria o nome ideal desse corte!

A cantora Cláudia Leitte adotou o modelo em seu casamento. Usando um evasé simples, ela apostou no tomara que caia e uma pequena coroa na cabeça de onde saía o véu.

Corte Princesa

Entre os tipos de vestido de noiva existentes, esse pode ser considerado o queridinho. Nada mais natural, já que ele realmente remete aos contos de fadas. Esse é o tipo de corte para quem deseja realçar a silhueta, pois as saias são muito volumosas e se abrem a partir da cintura bem definida, dando um ar de realeza ao look.

Nesse vestido, você pode abusar da criatividade na escolha do decote, pois ele pode receber os mais variados tipos. É bom lembrar que ele também favorece bastante as mulheres que possuem busto grande e as que têm uma estatura mais alta.

Recentemente, Marina Ruy Barbosa arrancou suspiros com esse tipo de vestido. O modelo da grife Dolce & Gabbana contava com saia tule e era tomara que caia — simplesmente deslumbrante!

Corte Império

O corte império é um tipo de vestido utilizado pelas mulheres na Grécia antiga. Sua principal característica é possuir um corte mais ajustado no busto e demarcado abaixo dele. A saia começa a partir da linha do busto e é solta até a altura dos pés.

É comum que ele receba uma faixa ou aplicação de rendas logo abaixo da linha dos seios, valorizando essa região. Por isso, é um ótimo aliado para aquelas mulheres que se incomodam caso o busto tenha um tamanho inferior ao do quadril.

Para as noivas que casam grávidas, ele também é uma excelente opção, assim como para as mulheres que possuem uma estatura mais baixa, pois tem o poder de alongar a silhueta.

Corte Reto

Esse modelo pode ser considerado ideal para as noivas mais moderninhas, pois é contemporâneo e despojado. Ele é utilizado, principalmente, nas confecções que possuem um estilo boho e minimalistas. Ele pode ser utilizado completamente solto no corpo ou ajustado com a saia descendo reta a partir do quadril ou cintura.

Se você quer disfarçar gordurinhas e/ou possui quadris largos, então essa pode ser uma ótima opção para você. Por outro lado, não é uma boa opção para aquelas que querem um visual mais longínquo e para noivas de baixa estatura, pois encurta a silhueta.

Uma famosa que adotou esse tipo de vestido de noiva foi a apresentadora Ticiane Pinheiro, em seu primeiro casamento com Roberto Justus. O modelo contava com decote V e a criação foi do estilista Rogério Figueiredo.

Corte Sereia e Semi-Sereia

Se você é do tipo que quer esbanjar sensualidade no seu grande dia, então esse é o tipo de vestido feito ideal. O corte segue justo por todo o corpo e abre apenas na altura dos joelhos. É perfeito para casamentos que são realizados no período da noite e pode ser utilizado por mulheres de estatura alta, mediana ou baixa.

A cantora Fergie, em seu casamento, não dispensou a sua sensualidade e apostou nesse corte, bem ajustado ao corpo. Essa é uma forma de evidenciar o corpo em dia.

No caso do semi-sereia, a diferença para o corte sereia é que a abertura, em vez de se iniciar na altura dos joelhos, começa abaixo dos quadris. A cintura nesse tipo de modelo é bem marcada e favorece todos os tipos de corpo, então não se preocupe!

Embora seja usado, na maioria parte das vezes, em casamentos noturnos, esse modelo é bem versátil e também pode ser usado para casamentos diurnos. Nesse caso, o recomendado é que o tecido seja mais leve ou que se abuse das transparências.

Vestido Ombré

Se você deseja que o colo seja destacado para dar aquele toque de sensualidade e, ao mesmo tempo, com delicadeza, o estilo ombré é ideal. Ele se firmou como uma ótima opção para noivas mais românticas.

Para dar um ar ainda mais ousado, a noiva também pode optar pelo uso de brilho, principalmente em modelos com renda.

Vestido Mullet

Já foi em alguma festa em que o vestido da noiva era curto na frente e longo atrás? Modelo bem descontraído, esse é o corte do Mullet.

Para as noivas mais modernas, essa é uma ótima opção, além de ser algo diferenciado e inusitado. Quem opta por esse tipo de vestido tem que ter uma atenção ainda mais especial para as pernas e o sapato que usará no dia, pois estarão em evidência.

Se você é o tipo de pessoa animada e que, com certeza, vai dançar bastante na festa do seu casamento, então esse pode ser uma ótima opção, pois ele facilita de maneira significativa os movimentos.

Mas, se o evento do seu casamento for mais formal, então talvez não seja uma boa escolha. Nesse caso, é melhor optar pelos tipos de vestido de noiva mais tradicionais. Contudo, nada impede que faça uma adaptação para deixa-lo mais versátil, caso seja o seu desejo.

Vestido com decote nas costas

Caso a sua cerimônia seja na parte da tarde, então essa é uma ótima opção. O decote pode ser mais ousado, o que dará à noiva uma sensualidade maior, ou pode ser mais contido, deixando aparecer apenas uma parte.

Confortável, fresco e charmoso, esse modelo dá um todo especial para os casamentos realizados em campos e ao ar livre. Uma ótima escolha!

Vestido com saia removível

Imagine começar a cerimônia do seu casamento com um vestido longo, mas durante a festa ter a opção de tirar a saia e curtir a noite com todo conforto e comodidade que esse grande dia exige? As noivas que querem impactar os convidados com o estilo têm mais uma ótima opção em mãos.

As saias, geralmente de tule e mais volumosas, podem ser usadas anexas ao vestido para a cerimônia e, logo em seguida, retiradas, deixando à vista um vestido mais justo ou curto.

É bom lembrar que esse é outro estilo de roupa em que a noiva deve ter um cuidado especial para os sapatos e as pernas, pois ficarão em evidência a partir de certo período.

Casamento Diurno

Depois de conhecer alguns tipos de vestido de noiva, pode ser que ainda fique naquela dúvida se ele é uma boa opção para casamentos diurnos. Bem, cerimônias desse tipo pedem vestidos mais simples e despojados, então é natural que os modelos mais fluidos estejam entre os queridinhos, pois passam um ar delicado e romântico.

O segredo aqui é procurar por algo delicado e que chama atenção, mas sempre com aquele cuidado de não exagerar. Lembre-se que uma cerimônia durante o dia pede um ponto mais de discrição.

Casamento civil

Fizemos esse subtópico, pois os casamentos no civil também costumam acontecer no decorrer do dia e pedem uma roupa especial. Não precisa ser nada exagerado, mas é bom estar com uma cor pastel ou branco mesmo. Assim você evidencia que é a noiva e garante ótimos registros desse momento.

Casamento Noturno

As cerimônias noturnas podem ser mais exuberantes. A noiva tem a maleabilidade de escolher algo que se enquadre melhor no estilo da festa. Os modelos aqui podem contar com vários elementos, como brilho, cauda, renda e vários outros detalhes. Como existe menos luz, então existe mais abertura para modelos mais exagerados.

Casamento no verão

Quem vai se casar na estação mais quente do ano precisa se preocupar em não passar calor! Por isso, evite saias com muitas camadas ou mangas compridas. Uma boa alternativa é apostar em modelos decotados e mais frescos — sem contar que não devem pesar muito no corpo.

Casamento no inverno

Se o casamento acontecer em lugares mais frios, então é bom investir em modelos mais fechados, preferencialmente com manga longa e saia comprida. Os tecidos mais pesados e saias mais armadas são ótimas opções.

Tendências 2018

Quando o assunto é os tipos de vestido de noiva, então é bom saber que a transparência chegou como uma forte tendência para os próximos anos — principalmente para casamentos diurnos. O ideal é apostar em modelos sem muitos detalhes, mas com um corte perfeito.

Os vestidos com renda também permanecem super em alta, principalmente para quem vai casar de dia em ambientes como praia ou campo.

A geometria é outro ponto que chama atenção em 2018. Modelos bordados, pintados a mão, com aplique de pérolas ou plumas, ou qualquer outra coisa desse tipo. Os tipos de vestido com flores também se firmam como os queridinhos do momento.

E aí, gostou do conteúdo? Agora que você já tem como opção vários tipos de vestido de noiva ficou bem mais fácil saber como escolher o modelo ideal para você, não é mesmo? Entre em contato conosco e veja como podemos lhe ajudar.

 

Nenhum Comentário