Casamento ao ar livre: o que preciso saber para um dia inesquecível?

É cada vez mais comum encontrar noivas que sonham com o casamento ao ar livre. Seja na praia, campo, sítio ou qualquer outro lugar, a possibilidade de fazer os votos próximos à natureza tem arrebatado cada vez mais corações e se firmou como uma tendência.

Ainda assim, um evento desse tipo também envolve muitos cuidados e planejamento. Se você é o tipo de noiva planejada e quer saber quais são eles, fique ligada nesse post e faça do seu grande dia um momento inesquecível! Vamos lá?

Pense no horário e local da cerimônia

Não tem como fugir: uma cerimônia ao ar livre combina mais com casamentos diurnos, principalmente ao entardecer. Nada mais natural, já que a motivação de muitos casais ao optarem por esse modelo é justamente a possibilidade de explorarem a beleza do local — e fica bem mais difícil perceber todas essas maravilhas durante a noite.

Para que tudo fique eternizado nas fotografias, não deixe de investir nesse detalhe. Comece a procura por um lugar ideal e, quando encontrar, saiba negociar. Pense que essa é uma das contratações mais importantes para que dê tudo certo!

Lembre-se de considerar também a definição de um horário para essa celebração tão importante. O mais recomendado é que aconteça no período da manhã ou mais para o final da tarde, pois isso pode definir questões de cardápio e de tempo hábil para os preparativos. 

Invista em uma decoração específica

Um casamento com combinação de igreja e salão de festas exige uma decoração bem diferente de um casamento ao ar livre. Por isso, tenha em mente que você pode apostar em opções bem distintas e — na maioria dos casos — até em algo mais clean. Como o próprio local em si já costuma contar com algumas belezas naturais, nada melhor que aproveitar cada uma delas nesse dia mágico!

Se for em um lugar com verde, por exemplo, aproveite para explorar as plantas e árvores do próprio local para criar diferenciais. Caso seja em outro ambiente, como a praia, não deixe de explorar o próprio mar e as belezas naturais. A beleza dos próprios cenários fazem com que você não precise investir tanto em flores e outros artefatos! 

Para fechar, é bom lembrar que os casamentos ao ar livre costumam contar com um estilo mais simples, em que “menos é mais”. Essa é uma ótima forma de economizar um pouco na decoração e ainda assim garantir fotos deslumbrantes! 

Considere um tipo de vestido compatível com o momento

Quem vai casar em um lugar aberto também deve considerar um modelo de vestido compatível com a celebração. Se for em um espaço mais simples e com decoração mais rústica, lembre-se de apostar em um modelo que converse com essa situação.

Além disso, como existem grandes chances de o casamento ser diurno, é bom optar por algo mais singelo e sem muito brilho. Isso porque um vestido muito chamativo pode destoar dos outros componentes do seu grande dia. Os modelos de renda são ótimas opções e têm se tornado os queridinhos de muitas noivas, já que mantêm a classe com leveza.

Caso esse seja um casamento no frio, pode optar também por belíssimos modelos com mangas estilizadas ou ainda explorar o uso de overtop para não sentir frio ou desconforto nesse momento tão especial! Vale lembrar que uma consultoria de estilo pode ajudar muito nesse momento e garantir escolhas ainda mais acertadas. 

Alinhe um traje com as madrinhas e convidadas

As madrinhas e convidadas também devem estar preparadas para esse momento. Por isso, não deixe de compartilhar com elas qual é o estilo do casamento para que elas saibam como se vestir. Se a cerimônia for no gramado ou na areia, por exemplo, elas precisam saber que tipo de salto e sapato colocar para que não tenham muitas dificuldades na hora de se movimentar. 

Caso não tenha um contato próximo com todas antes do grande dia, explore esses detalhes no site ou em grupos de WhatsApp. O importante é que ninguém seja surpreendido, pois isso pode trazer alguns desgastes.

Escolha um buffet adequado

A definição do que será servido depende muito do gosto de cada casal — isso sem falar no orçamento que cada um tem disponível para esse momento. Ainda assim, como estamos falando de um casamento ao ar livre, explore opções mais personalizadas e leves, pois assim tudo fica mais fácil e mais aderente com o tipo de cerimônia.

Opções como frutas, águas aromatizadas, canapés e outros detalhes podem garantir um visual muito bonito e, de quebra, agradarem os convidados (principalmente no começo da festa). Depois você pode seguir para as opções mais tradicionais.

Agora, se tiver optado por um casamento no frio, lembre-se de adaptar o cardápio e considerar opções mais “quentes”, como sopas e caldos de entrada. Essa é uma ótima maneira de mostrar que se preocupou e fazer com que seus convidados fiquem mais aquecidos. 

Faça um planejamento consistente

Casar ao ar livre envolve estar vulnerável às surpresas do tempo. Quando estamos falando do seu grande dia, é natural se planejar para que tudo saia da forma mais perfeita possível! 

Para não colocar tudo a perder, é muito importante fazer um planejamento bem elaborado e sempre contar com a ajuda do famoso plano B. Se ainda não acha que isso é importante, pense que uma chuva pode atrapalhar tudo.

Por isso, uma boa dica é começar planejando o casamento para um período em que as chuvas são menos frequentes, pois assim você já reduz as chances de sofrer com esse contratempo. Além disso, considere sempre outra opção, como um espaço fechado, tendas ou qualquer outro ambiente a que a cerimônia possa se adaptar rapidamente.

Depois de todas essas informações fica bem mais fácil planejar um casamento ao ar livre, não é mesmo? Considerar esses pontos é uma ótima alternativa para garantir um dia ainda mais importante e inesquecível! Acredite: você vai se agradecer por ter tomado esses cuidados!

Se você gostou das nossas dicas, não deixe de acompanhar os demais conteúdos que temos produzido. Estamos no FacebookInstagramLinkedInG+ e Youtube. Nos vemos por lá! 

 

2 Comentários